Bom dia!!

 

CBOT trabalha com leves altas neste início de segunda-feira, recuperando parte das percas da última semana.
Comerciantes voltam suas atenções para os próximos relatórios importantes para o mercado, Conab na quinta-feira e WASDE na sexta-feira.
No WASDE o USDA deverá incorporar os números dos estoques da última quinta-feira e os usará para fornecer uma indicação mais clara dos estoques reais de final de safra.

Atenção dos investidores se volta para o início de do plantio do cinturão do milho, dados climáticos atualizados, avanço da colheita da Argentina, dados do desenvolvimento do milho safrinha no Brasil, frete global alto, plantio na Ucrânia, crise no setor de fornecimento de fertilizantes e dados da demanda compradora asiática.

Feriado de dois dias na China, deve deixar um pouco mais calmo o mercado.

Destaque da agenda:
12h Inspeções de exportação semanal dos EUA;

Principais bolsas mundiais operam mistas, o destaque da semana será a divulgação da ata do FOMC que deve trazer mais detalhes sobre o ciclo de altas de juros nos EUA.
Mercado monitora as novas sanções que deverão ser impostas a Rússia, após as acusações de crimes de guerra com a invasão da Ucrânia.
Na China, aproveitando o feriado prolongado, governo deve testar todos os habitantes de Xangai, em mais um esforço para conter o avanço do vírus.
Investidores atentos aos dados dos PMI´s das principais economias que ajudam na tomada de decisão dos bancos centrais em ferramentas para combater a crescente inflação.

Petróleo estável, com investidores aguardando mais informações das liberações dos estoques de segurança dos EUA e da Europa;
Minério de ferro queda de 3,4%;
DXY alta de 0,23%;

No BR servidores do Banco Central iniciam greve por tempo indeterminado, indicares econômicos não serão divulgados, alerta de instabilidade no sistema de pagamento PIX, coleta de dados para indicadores econômicos paralisada.
Os trabalhadores pedem reajuste salarial de 19,9% e uma reestruturação de carreira.
O presidente do BC, Roberto Campos Neto, saiu em férias na última quinta-feira.

Petrobras segue no radar dos investidores com a reviravolta na troca de comando da estatal.

Bastidores das eleições no radar.

Boa semana, bons negócios.

Compartilhe nas redes sociais

Os comentários estão fechados.