Bom dia!

 

CBOT trabalha em baixa neste início de quarta-feira.

O avanço da colheita nos EUA e a expectativa de safra recorde no BR agem como limitador de ganhos, consultorias independentes elevaram a projeção de safra do BR para 153,8 mi tons.

Investidores seguem acompanhando os modelos climatológicos mais recentes para a evolução do plantio e das condições das lavouras na américa do sul em especial no BR.
Nos EUA, os mapas meteorológicos mostram o restante da semana com um cenário favorável para a safra de soja e milho.

Argentina ainda está lutando com a seca com dois terços da área cultivada muito seca.

Mercado acompanha as negociações da Ucrânia para manter o corredor de exportação de commodities no mar negro.

Reflexos do mercado financeiro possivelmente continuaram a ser observados no mercado de grãos.

Principais bolsas mundiais trabalham em queda, em movimento de correção.
Investidores acompanham dados da indústria, inflacionários, dados do emprego, balança comercial dos EUA e discursos de membros do FED.

PMI da zona do euro veio abaixo do esperado e reforça a probabilidade de recessão econômica no bloco.

PMI de Serviços do Japão avança para 52,2 em setembro, ante 49,5 em agosto.

Petróleo estável com mercado aguardado a decisão da OPEP+.
Minério de ferro sem cotação, feriado chinês.
DXY 0,85%;

No BR investidores acompanham dados da indústria e claro o foco permanece no segundo turno das eleições com a divulgação de nova pesquisa de intenção de votos.

O Banco Mundial elevou de 1,5% para 2,5% a projeção de crescimento PIB do BR em 2022, devido ao impulso da reabertura da economia e ao aumento dos preços de commodities.

ANTT publica nova tabela de preços rodoviários, levando em conta as reduções nos preços do diesel.

Boa quarta-feira, bons negócios!

Compartilhe nas redes sociais

Os comentários estão fechados.