Bom dia, a Bolsa de Chicago opera mista com a soja e milho em alta; trigo em baixa. O mercado segue acompanhando o segundo dia do 99o Fórum de Perspectivas Agrícolas do USDA para a safra 2023/24 dos EUA.


O USDA divulgou ontem os primeiros números da safra 2023/24 dos EUA, com a área projetada de soja em 87,5 milhões de acres, mesma área do ano anterior e ligeiramente abaixo das expectativas. A produtividade ficou em 52 bushels por acre, contra 49,5 da safra anterior. A produção de soja está projetada em 4,5 bilhões de bushels, 5% acima do ano anterior, com rendimentos mais altos respondendo pela maior parte do aumento. A oferta de soja está projetada em 4,8 bilhões de bushels, 4% acima de 2022/23, com o aumento da produção parcialmente compensado por estoques iniciais mais baixos. A perspectiva para o milho 2023/24 é de maior produção, maior uso doméstico, aumento das exportações e estoques finais mais altos. A safra de milho está projetada em 15,085 bilhões de bushels, cerca de 10% acima do ano anterior e se realizou a segunda maior já registrada atrás de 2016/17. A área plantada com milho está prevista em 91,0 milhões de acres, um aumento de 2,4 milhões em relação ao ano anterior. A projeção de rendimento de 181,5 bushels por acre é baseada em uma tendência ajustada pelo clima, assumindo o progresso normal do plantio e o clima da estação de crescimento no verão. Apesar dos estoques iniciais serem menores do que há um ano, a previsão de oferta total de milho é de 16,377 bilhões de bushels, ou cerca de 8% maior na comparação com a safra anterior.


O dólar opera em alta frente a outras moedas. Expectativa hoje para dados de da inflação PCE, Gastos Pessoais e Venda de Casas Novas nos EUA. A economia dos EUA cresceu 2,7% no último trimestre de 2022, de acordo com a segunda estimativa do Departamento de Análises Econômicas (BEA). No terceiro trimestre o PIB havia crescido 3,2%. A estimativa do PIB divulgada foi baseada em dados de origem mais completos do que os disponíveis para a estimativa “preliminar” publicada no mês passado. Na estimativa preliminar, o aumento do PIB real foi de 2,9%. As estimativas atualizadas refletiram principalmente uma revisão para baixo nos gastos do consumidor que foi parcialmente compensada por uma revisão para cima no investimento fixo não residencial. As importações, que são uma subtração no cálculo do PIB, foram revisadas para cima.


Os pedidos iniciais de auxílio-desemprego nos EUA recuaram 192.000 pedidos na semana encerrada no dia 18 de fevereiro, para taxa sazonalmente ajustada de 192.000, segundo o Departamento de Trabalho. O número veio abaixo do esperado pelo mercado, que era de 200 mil pedidos.


No Brasil ontem o dólar recuou 0,67%, a R$ 5,1350. O mercado focou hoje nos dados externos, com os dados revisados do PIB e pedidos de auxílio-desemprego nos EUA em destaque. Internamente, a balança comercial registrou déficit de US$ 0,281 bilhão e corrente de comércio de US$ 10,053 bilhões na 3ª semana de Fevereiro de 2023, resultado de exportações no valor de US$ 4,886 bilhões e importações de US$ 5,167 bilhões. No mês, as exportações somam US$ 13,508 bilhões e as importações, US$ 12,273 bilhões, com saldo positivo de US$ 1,234 bilhão e corrente de comércio de US$ 25,781 bilhões. No ano, as exportações totalizam US$ 36,537 bilhões e as importações, US$ 32,694 bilhões, com saldo positivo de US$ 3,844 bilhões e corrente de comércio de US$ 69,231 bilhões. Nas exportações, comparadas as médias até a 3ª semana de Fevereiro/2023 (US$ 1.039,04 milhões) com a de Fevereiro/2022 (US$ 1.237,54 milhões), houve queda de -16,0%. Em relação às importações houve queda de 5,0% na comparação entre as médias até a 3ª semana de Fevereiro/2023 (US$ 944,1 milhões) com a do mês de Fevereiro/2022 (US$ 993,9 milhões).


As bolsas globais recuam antes da divulgação de dados nos EUA.


Os futuros do petróleo sobem recuperando parte das baixas da semana.


No Brasil, tempo chuvoso principalmente no Centro-Sul até a próxima semana.

Previsão de Precipitação Brasil, 7 dias, em milímetros.


Na Argentina, tempo chuvoso no Centro-Norte até a próxima semana.

Previsão de Precipitação Argentina, 7 dias, em milímetros.

Prêmios *referente ao dia anterior

Paranaguá

SOJA

COMPRADOR

VENDEDOR

Spot

5

16

Abr

5

15

Mai

11

20

FARELO DE SOJA

COMPRADOR

VENDEDOR

Spot

24

30

ÓLEO DE SOJA

COMPRADOR

VENDEDOR

Spot

-10

0

Golfo do México – EUA

SOJA

COMPRADOR

VENDEDOR

Spot

90

93

Abr

86

90

Mai

82

87

MILHO

COMPRADOR

VENDEDOR

Spot

90

95

Abr

90

95

Mai

89

93

Extração de hidrogênio limpo a partir da água do mar já é uma realidade

A extração de hidrogênio a partir da água do mar oferece uma fonte de energia renovável e limpa. Essa técnica pode ser uma alternativa

Por Ademilson Ramos, Engenharia É


Pesquisadores da Universidade de Adelaide, na Australia, conseguiram extrair hidrogênio limpo diretamente da água do mar, sem a necessidade de qualquer tratamento ou filtragem. Com a crescente demanda por essa fonte de energia renovável, que é o elemento químico mais abundante, sua importância é imensurável.

O hidrogênio é uma alternativa limpa ao petróleo, especialmente em veículos movidos a hidrogênio, cujo resultado da transformação química é, exclusivamente, água limpa e potável. A procura por essa fonte de energia está aumentando, impulsionada por decisões como a da União Europeia, que proibiu a venda de veículos movidos exclusivamente por combustão interna a partir de 2035.

Essa descoberta recente pode tornar viável a utilização do hidrogênio extraído da água do mar como fonte de energia para algumas zonas costeiras. O Professor Shizhang Qiao, líder da equipe de pesquisa, afirma que é agora possível dividir a água do mar em oxigênio e hidrogênio com eficiência próxima a 100%, produzindo hidrogênio verde por eletrólise com um catalisador barato e um eletrolisador comercial.

A água do mar é mais abundante no planeta do que a água doce, e a extração de hidrogênio a partir do mar leva a poupanças econômicas significativas. Os pesquisadores da Universidade de Adelaide pretendem escalar esse procedimento, utilizando um eletrolisador maior, e aplicar seus conhecimentos em uma escala industrial para uso prático no nosso cotidiano. Esperamos que tenham sucesso.

TRADINCOM CONSULTORIA EM NEGÓCIOS AGROPECUÁRIOS LTDA.®

+55 (41) 3434-5757

Al Dr Carlos de Carvalho, Wall Street Center, 771, Curitiba PR – Brasil, CEP 80.430-180.

www.tradincom.com

Esse é apenas um resumo de várias informações que recebemos, oferecemos oportunidades estratégicas particulares a cada necessidade de empresas ou operadores de mercado. Fiquem à vontade para requisitar opiniões estratégicas em posições ou mesmo sobre o processo de abertura de contas em Chicago.

Negociar futuros e opções envolve riscos substanciais e não é adequado para todos os investidores. O desempenho passado não é indicativo de resultados futuros. A Tradincom não distribui relatórios de pesquisa, empregam analistas, ou mantêm um departamento de pesquisa, tal como definido no Regulamento da Comissão de Negociação de Futuros de Commodities (CFTC) 1.71, e portanto, este material não deve ser interpretado como uma solicitação para entrar em uma transação de derivativos.

Esse material é somente como base de informações e deve ser considerado como um comentário de mercado, meramente uma observação do cenário econômico, politico e de notícias atuais e históricas. Não há nenhuma intenção de solicitação de compra ou venda de ativos de commodities, mas somente uma visão geral de possíveis estratégias de mercado. Não sendo responsável por qualquer resultado de decisões de trading, mas sendo apenas mais uma fonte de informações para aqueles que acreditam na fonte de informações.

Compartilhe nas redes sociais

Os comentários estão fechados.