Bom dia, a Bolsa de Chicago opera em alta nos principais ativos com a soja em alta pelo 6o pregão seguido em meio aos cortes de produção na América do Sul e esmagamento recorde nos EUA.


Fundos compradores ontem estimados em 10.000 contratos de soja e 5.000 contratos de farelo de soja. Fundos vendedores estimados em 15.000 contratos de trigo, 5.000 contratos de milho e 2.000 contratos de óleo de soja.

O USDA divulga na tarde de hoje o relatório de esmagamento de soja em dezembro nos EUA, com expectativa de processamento de 197,7 milhões de bushels, marcando um novo recorde de esmagamento. Os estoques de óleo de soja devem subir para 2,565 bilhões de libras-peso, para o maior nível desde abril de 2020.

A AgRural reduziu a estimativa de produção de soja 2021/22 para 128,5 milhões de toneladas, de 133,4 milhões da estimativa do início de janeiro. Ontem a AgResource Brasil revisou a safra de soja para 125,04 milhões de toneladas e a consultoria Céleres cortou a estimativa de produção para 134,5 milhões de toneladas, de 145,7 milhões da projeção anterior.

Os embarques semanais de soja dos EUA foram de 1,41 milhão de toneladas na semana encerrada no dia 27 de janeiro, contra 1,35 milhão da semana anterior e 1,91 milhão do mesmo período do ano passado. Na temporada 2021/22 os embarques de soja somam 36,27 milhões de toneladas, contra 47,47 milhões do mesmo período da temporada anterior. Os embarques de milho foram de 1,04 milhão de toneladas, contra 1,19 milhão da semana anterior e 1,12 milhão do mesmo período do ano passado. Na temporada os embarques de milho dos EUA somam 17,54 milhões de toneladas, contra 20,02 milhões do mesmo período da temporada 2020/21.


O dólar segue em baixa frente a outras moedas.


No Brasil a moeda recua de olho no Copom, abaixo dos R$5,30. Ontem a moeda recuou 1,57%, a R$5,3054, acumulando baixa de 4,83% em janeiro, para o menor valor em 4 meses. Começa hoje a reunião de 2 dias do Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central, que deve elevar a meta da Selic em 1,5 ponto percentual, para 10,75% ao ano. A inflação ao produtor do Brasil medida pelo Índice de Preços ao Produtor (IPP) recuou 0,12% em dezembro de 2021 ante novembro, acumulando alta de 28,39% no ano, recorde da série histórica desse indicador, iniciada em 2014, segundo o IBGE. O acumulado de 2021 foi 9,01 pontos percentuais (p.p.) maior que o de 2020. Entre as atividades que fecharam o ano com as maiores variações, destacam-se: refino de petróleo e biocombustíveis (69,72%), outros produtos químicos (64,09%), metalurgia (41,79%) e madeira (40,76%). Em dezembro, 17 das 24 atividades industriais investigadas na pesquisa apresentaram alta de preço ante novembro, em oposição à variação negativa no índice da indústria geral. As quatro atividades com maiores variações, em termos absolutos, foram: as quedas nas indústrias extrativas (-12,77%) e metalurgia (-3,27%) e as altas em outros produtos químicos (2,57%) e outros equipamentos de transporte (2,36%).


As bolsas globais operam majoritariamente em alta.



Os futuros do petróleo recuam devolvendo parte das altas recentes.


A taxa de desemprego na zona do euro recuou para 7,0% em dezembro, de 7,1% em novembro (revisado de 7,2%), para no menor nível mais baixo desde o início da série histórica, em 1998, segundo a Eurostat. Considerando-se o bloco da União Europeia (UE), a taxa de desemprego caiu a 6,4% em dezembro, de 6,5% em novembro, também para o nível mais baixo dessa série histórica, iniciada em 2000.

No Brasil, tempo chuvoso no Centro-Norte amanhã.

Previsão de Precipitação Brasil, 24 horas dias, em milímetros.



Na Argentina, tempo chuvoso em boa parte do país nesta semana.

Previsão de Precipitação Argentina, 7 dias, em milímetros.

Prêmios *referente ao dia anterior

Paranaguá

SOJA

COMPRADOR

VENDEDOR

Spot

100

110

Mar 22

30

40

Mai 22

35

44

FARELO DE SOJA

COMPRADOR

VENDEDOR

Spot

115

125

ÓLEO DE SOJA

COMPRADOR

VENDEDOR

Spot

180

200

Golfo do México – EUA

SOJA

COMPRADOR

VENDEDOR

Spot

115

120

Mar

93

97

Abr

81

85

MILHO

COMPRADOR

VENDEDOR

Spot

123

130

Mar

88

92

Abr

83

86

Equipe liderada por brasileiras descobre proteína capaz de evitar o Alzheimer

Gabriela Bulhões, Olhar Digital


Liderada por neurocientistas brasileiras, uma equipe descobriu uma proteína que funciona como um marcador do envelhecimento do cérebro, em que a quantidade é reduzida nas células nervosas à medida que envelhecemos. Isso contribuí para entender mudanças funcionais e possíveis medicamentos que podem ser desenvolvidos para “rejuvenescer” as células e evitar o Alzheimer.

O estudo foi publicado na revista científica Aging Cell, em que os pesquisadores descrevem o papel da proteína lamina-B1 como um biomarcador do envelhecimento em seres humanos e animais. A descoberta foi coordenada por Flavia Alcântara Gomes, do Instituto de Ciências Biomédicas da Universidade Federal do Rio de Janeiro (ICB/UFRJ) e ela explica que esses biomarcadores costumavam ser procurados no cérebro de vítimas de Alzheimer.

Nosso objetivo foi identificar indicadores de mudanças que podem levar à perda de função e, por fim, em alguns casos, à demência. A novidade de nosso trabalho foi encontrar um marcador que identifica as células envelhecidas no cérebro”, diz Gomes.

Para isso, eles trabalharam com roedores e amostras cerebrais da Universidade de São Paulo (USP) e de uma instituição da Holanda. Foram analisadas 16 amostras de pessoas de meia-idade e 14 de idosos para investigar transformações nos astrócitos, que são células nervosas que dão sustentação e também ajudam a controlar o funcionamento dos neurônios.

A lamina-B1 tem uma função complexa. Ela ajuda a manter íntegro o núcleo dos astrócitos. E essa função é importantíssima porque, com o núcleo deficiente, os astrócitos já não conseguem mais cumprir o seu papel.

O estudo revelou que a quantidade de lamina-B1 diminui com o envelhecimento e que no futuro, pode evitar o Alzheimer. A proteína tem a função de manter íntegro o núcleo dos astrócitos e essa identificação ajuda a distinguir o que é um sinal normal do envelhecimento: “A novidade desse estudo é revelar que a lamina-B1 é um indicador de que os astrócitos estão envelhecidos”, afirma Gomes.

Outra autora do estudo que também é do mesmo laboratório, Isadora Matias comentou que uma das estratégias é matar os astrócitos envelhecidos, só que os riscos são grandes.” O pulo do gato será interromper ou até mesmo reverter o envelhecimento dos astrócitos, normalizando a concentração de lamina-B1. Mas isso depende de mais estudos”, diz.

O envelhecimento e o Alzheimer é um processo complexo que custa a ser totalmente compreendido, tanto que além da lamina-B1, a equipe realizou o novo estudo que identificou outras moléculas presentes no envelhecimento das células.

Mas já será muito importante usar o que aprendemos com essa proteína capaz de dar o sinal de alerta de envelhecimento precoce, por exemplo”, finaliza Matias.

Fonte: O Globo

TRADINCOM CONSULTORIA EM NEGÓCIOS AGROPECUÁRIOS LTDA.®

+55 (41) 3434-5757

Al Dr Carlos de Carvalho, Wall Street Center, 771, Curitiba PR – Brasil, CEP 80.430-180.

www.tradincom.com

Esse é apenas um resumo de várias informações que recebemos, oferecemos oportunidades estratégicas particulares a cada necessidade de empresas ou operadores de mercado. Fiquem à vontade para requisitar opiniões estratégicas em posições ou mesmo sobre o processo de abertura de contas em Chicago.

Negociar futuros e opções envolve riscos substanciais e não é adequado para todos os investidores. O desempenho passado não é indicativo de resultados futuros. A Tradincom não distribui relatórios de pesquisa, empregam analistas, ou mantêm um departamento de pesquisa, tal como definido no Regulamento da Comissão de Negociação de Futuros de Commodities (CFTC) 1.71, e portanto, este material não deve ser interpretado como uma solicitação para entrar em uma transação de derivativos.

Esse material é somente como base de informações e deve ser considerado como um comentário de mercado, meramente uma observação do cenário econômico, politico e de notícias atuais e históricas. Não há nenhuma intenção de solicitação de compra ou venda de ativos de commodities, mas somente uma visão geral de possíveis estratégias de mercado. Não sendo responsável por qualquer resultado de decisões de trading, mas sendo apenas mais uma fonte de informações para aqueles que acreditam na fonte de informações.

Compartilhe nas redes sociais

Os comentários estão fechados.