Bom dia, a Bolsa de Chicago volta do fim de semana prolongado nos EUA em baixa, realizando parte dos ganhos da última semana. Por conta do feriado de Juneteenth ontem nos EUA, o USDA divulga hoje os relatórios de andamento de safra e embarques semanais de grãos.


Segundo o relatório semanal do CEPEA, “o baixo volume de chuva no Meio-Oeste dos EUA desde o começo deste mês preocupa agentes do setor de soja, tendo em vista que esse cenário pode prejudicar o desenvolvimento das lavouras. Segundo pesquisadores do Cepea, a semeadura foi praticamente finalizada naquele país, e o percentual de lavouras em condições boas e excelentes vem diminuindo semana após semana. Previsões indicam chuva nos próximos dias, o que pode amenizar possíveis impactos sobre a produção. Apesar desse cenário, estimativas divulgadas neste mês pelo USDA apontam expressivo aumento da oferta mundial do grão na safra 2023/24 e também na brasileira (2022/23). O Departamento Norte-Americano aponta que a oferta global pode superar a demanda, o que elevaria a relação estoque final/demanda total de 27,8% para 31,9%, a maior em cinco safras. Quanto aos preços interno, além da possibilidade de oferta elevada, a desvalorização do dólar frente ao Real pressionou as cotações da soja e derivados no Brasil na semana passada”. Com relação ao milho, “os preços reagiram na semana passada no Brasil, interrompendo, portanto, o movimento de queda que vinha sendo registrado desde março. Segundo pesquisadores do Cepea, o impulso veio das valorizações externas do cereal, que, por sua vez, subiram por conta de preocupações com o desenvolvimento das lavouras nos Estados Unidos. Desde o início de junho, o volume de chuva no Meio-Oeste norte-americano está abaixo do necessário, contexto que pode reduzir o potencial produtivo. Por enquanto, estimativas oficiais do USDA seguem indicando maior produção nos Estados Unidos, mas as condições das lavouras daquele país já apresentam piora. No Brasil, estimativas seguem apontando segunda safra recorde, e, inclusive, foram mais uma vez reajustadas positivamente pela Conab neste mês.”

O dólar opera em alta recuperando parte das baixas recentes. Expectativa logo mais para o relatório de licenças de construção de novas casas e início de construção de novas casas nos EUA.


No Brasil ontem o dólar recuou 0,90%, a R$ 4,7751, no menor nível desde o início de junho de 2022. Começa hoje a reunião de dois dias do Comitê de Política Monetária (Copom), com expectativa de manutenção dos juros em 13,75% ao ano. O Banco Central divulgou ontem o novo boletim de mercado Focus, com expectativa de menor inflação para este e o próximo ano. As instituições financeiras reduziram a expectativa para a inflação deste ano de 5,42% para 5,12% e de 2024 de 4,04% para 4,00%. Já a expectativa para o crescimento do PIB deste ano foi revisado de 1,84% para 2,14% enquanto que para o próximo ao o número foi revisado de 1,27% para 1,20%. O dólar deve encerrar este ano em R$5,00 e em R$5,10 em 2024. O mercado reduziu a expetativa para a meta da taxa Selic de 12,50% para 12,25% no final deste ano e de 10% para 9,5% no final de 2024.


As bolsas globais recuam na volta do fim de semana prolongado nos EUA, com os futuros das bolsas norte-americanas realizando parte dos ganhos da última semana.


Os futuros do petróleo operam com leves altas após a China cortar a taxa preferencial de empréstimo de 0,1 ponto percentual, para 3,55%.


No Brasil, tempo estável hoje.

Previsão de Precipitação Brasil, 24 horas, em milímetros.



Na Argentina, tempo predominantemente estável nesta semana.

Previsão de Precipitação Argentina, 7 dias, em milímetros.

Nos EUA, tempo predominantemente estável hoje.

Previsão de Precipitação EUA, 24 horas, em polegadas.



Prêmios *referente ao dia anterior

Paranaguá

SOJA

COMPRADOR

VENDEDOR

Spot

-90

-80

Jul

-101

-87

Ago

10

20

FARELO DE SOJA

COMPRADOR

VENDEDOR

Spot

11

16

ÓLEO DE SOJA

COMPRADOR

VENDEDOR

Spot

-13

0

Golfo do México – EUA

SOJA

COMPRADOR

VENDEDOR

Spot

80

84

Jul

65

69

Ago

74

78

MILHO

COMPRADOR

VENDEDOR

Spot

62

67

Jul

46

50

Set

50

56

Pesquisadores querem esterilizar insetos para combater pragas

Cientistas dos Estados Unidos propuseram uma alternativa aos pesticidas: controlar as pragas modificando o DNA dos insetos

Por Vitoria Lopes Gomez, editado por Bruno Capozzi, Olhar Digital


Não é de hoje que insetos prejudicam pequenas plantações sem estrutura ou orçamento para fertilizantes superpotentes. Cientistas da Universidade Estadual da Carolina do Norte, nos Estados Unidos, pretendem mudar isso de um jeito novo: eles querem combater essas pragas esterilizando as fêmeas das espécies.

Controle de pragas

Os insetos se tornam um problema para os agricultores quando depositam seus ovos nas bagas, por exemplo, o que conhecemos como uma “fruta bichada”. Isso causa prejuízo para os produtores.

Pensando nisso, os pesquisadores recorreram a uma técnica chamada “gene drive”, que consiste em manipular o DNA dos insetos para que as fêmes da espécie se tornem estéreis.

Além disso, eles acharam métodos de fazer com que a espécie não se recupera da mutação.

Pesquisa

Eles usaram a mosca-das-frutas como exemplo na pesquisa, publicada na revista Proceedings of the National Academy of Sciences.

O estudo mostrou que se os pesquisadores cruzarem uma mosca geneticamente modificada com uma não modificada, a probabilidade de herança na esterilidade é de 99%.

Os pesquisadores usaram esse método para provar que, se fizerem isso a cada duas semanas, levará cinco meses para combater as pragas.

Diferencial

A modificação genética como forma de combater pragas não é uma ideia totalmente nova. Mesmo assim, o uso de pesticidas ainda sai mais barato e é fácil de implementar.

Porém, segundo Max Scott, professor de entomologia e coautor do artigo, o método do gene drive funciona porque é aplicado em larga escala e permite que a esterilidade se dissemine rapidamente. Isso também ganha tempo para os agricultores.


Riscos vs. Insetos

A pesquisa pode ser revolucionária, ainda mais quando o aquecimento global e as mudanças climáticas têm criado ambientes não naturais e propiciado a disseminação de pragas.

Para Luciano Matzkin, professor associado de entomologia da Universidade do Arizona, o estudo resolveu um grande problema esterilizando as fêmeas.

Porém, um risco que normalmente se concretiza é o de que uma nova mutação genética não antecipada pelos pesquisadores resista à mutação de laboratório, e crie pragas mais resistentes.

Ainda assim, se não houver riscos ambientais negativos, “uma abordagem bem-sucedida de controle biológico é sempre preferível” aos pesticidas.

Quando a técnica será aplicada?

A técnica advinda da mutação genética ainda está longe de ser aplicada na prática. Antes disso, Scott e sua equipe precisam realizar mais testes de laboratório e, depois, passar por um processo regulatório, para enfim chegar aos testes de campo.

Com informações de Phys Org

TRADINCOM CONSULTORIA EM NEGÓCIOS AGROPECUÁRIOS LTDA.®

+55 (41) 3434-5757

Al Dr Carlos de Carvalho, Wall Street Center, 771, Curitiba PR – Brasil, CEP 80.430-180.

www.tradincom.com

Esse é apenas um resumo de várias informações que recebemos, oferecemos oportunidades estratégicas particulares a cada necessidade de empresas ou operadores de mercado. Fiquem à vontade para requisitar opiniões estratégicas em posições ou mesmo sobre o processo de abertura de contas em Chicago.

Negociar futuros e opções envolve riscos substanciais e não é adequado para todos os investidores. O desempenho passado não é indicativo de resultados futuros. A Tradincom não distribui relatórios de pesquisa, empregam analistas, ou mantêm um departamento de pesquisa, tal como definido no Regulamento da Comissão de Negociação de Futuros de Commodities (CFTC) 1.71, e portanto, este material não deve ser interpretado como uma solicitação para entrar em uma transação de derivativos.

Esse material é somente como base de informações e deve ser considerado como um comentário de mercado, meramente uma observação do cenário econômico, politico e de notícias atuais e históricas. Não há nenhuma intenção de solicitação de compra ou venda de ativos de commodities, mas somente uma visão geral de possíveis estratégias de mercado. Não sendo responsável por qualquer resultado de decisões de trading, mas sendo apenas mais uma fonte de informações para aqueles que acreditam na fonte de informações.

Compartilhe nas redes sociais

Os comentários estão fechados.