Bom dia, a Bolsa de Chicago opera em alta nos principais ativos dando sequência ao movimento de correção das baixas recentes.


Segundo o relatório semanal do CEPEA (Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada), “Em queda, os preços internos da soja operam nos menores patamares nominais desde agosto de 2020. Segundo pesquisadores do Cepea, compradores não demonstram interesse em adquirir volumes significativos da oleaginosa, estando atentos à maior oferta do grão e ao baixo volume da safra 2023/24 comprometido em contratos a termo por parte de produtores. Vendedores, por sua vez, preferem não negociar neste momento, diante das menores produtividades nas áreas colhidas. Além de Mato Grosso e Paraná, a colheita de soja também teve início em São Paulo, em Mato Grosso do Sul e em Goiás. Produtores dessas regiões relatam que a produtividade está abaixo da esperada. Por conta disso, agentes aguardam reajustes nas próximas estimativas do USDA, que, por enquanto, apontam produção de 157 milhões de toneladas no Brasil; O movimento de queda dos preços do milho se intensificou nos últimos dias, com o Indicador ESALQ/BM&FBovespa (Campinas – SP) voltando a operar nos patamares de dezembro. Segundo pesquisadores do Cepea, a pressão vem da menor demanda e da flexibilidade de parte dos vendedores. De modo geral, os negócios continuam lentos. Consumidores aguardam novas desvalorizações do cereal no curto prazo, fundamentados no avanço da colheita da safra verão, que deve aumentar a disponibilidade sobretudo no Sul do País. Além disso, a colheita de soja ganhando ritmo tende a elevar a necessidade de liberação dos armazéns”.

A colheita de soja 2023/24 no Mato Grosso atingiu 12,82% até sexta-feira, contra 5,9% do mesmo período do ano passado e 7,93% da média dos últimos 5 anos, segundo o IMEA.


Os embarques semanais de soja dos EUA foram de 1,16 milhão de toneladas na semana encerrada no dia 18 de janeiro, contra 1,28 milhão de toneladas da semana anterior e 1,84 milhão de toneladas do mesmo período do ano passado, segundo o USDA. Na temporada 2023/24 os embarques de soja dos EUA somam 26,75 milhões de toneladas, contra 34,27 milhões do mesmo período da temporada anterior. Os embarques de milho foram de 713 mil toneladas, contra 946 mil da semana anterior e 729 mil do mesmo período de 2023. Na temporada os embarques de milho somam 14,7 milhões de toneladas, contra 11,51 milhões do mesmo período da temporada 2022/23.


O dólar volta a ganhar força frente a outras moedas enquanto as apostas de um corte dos juros nos EUA esfriam.


No Brasil o dólar opera em baixa devolvendo parte das altas recentes. Ontem a moeda subiu 1,24%, a R$ 4,9878. O Banco Central divulgou ontem o novo boletim de mercado Focus, com expectativa de menor inflação e maior crescimento da economia. As instituições financeiras reduziram a expectativa para a inflação deste ano de 3,87% para 3,86% e elevaram de 1,59% para 1,60% a expectativa para o crescimento do PIB. A expectativa para o dólar recuou de R$4,95 para R$4,92 no fim deste ano, enquanto a expectativa para a meta da Selic permaneceu em 9%. Para 2025 as expectativas ficaram inalteradas, com a inflação em 3,5%, crescimento do PIB em 2%, dólar em R$5,00 e a meta da Selic em 8,5%.


As bolsas globais recuam com perspectiva de juros globais mais altos por mais tempo do que o previsto.


Os futuros do petróleo também recuam com as perspectivas incertas de crescimento mundial em meio aos juros elevados.


No Brasil, tempo chuvoso em boa parte do país hoje.

Previsão de Precipitação Brasil, 24 horas, em milímetros.



Na Argentina, tempo predominantemente estável nesta semana.

Previsão de Precipitação Argentina, 7 dias, em milímetros.


Prêmios *referente ao dia anterior

Paranaguá

SOJA

COMPRADOR

VENDEDOR

Fev 24

-88

-62

Mar 24

-88

-68

Mai 24

-75

-60

FARELO DE SOJA

COMPRADOR

VENDEDOR

Spot

13

20

ÓLEO DE SOJA

COMPRADOR

VENDEDOR

Spot

-10

-2

Golfo do México – EUA

SOJA

COMPRADOR

VENDEDOR

Spot

74

77

Fev

72

76

Mar

68

72

MILHO

COMPRADOR

VENDEDOR

Spot

58

62

Fev

61

65

Mar

62

66

Vacina da dengue: quem poderá receber o imunizante?

Primeira remessa, com cerca de 750 mil doses, chegou ao Brasil no último sábado

Por Leandro Costa Criscuolo, editado por Bruno Capozzi, Olhar Digital


O Brasil já possui a nova vacina da dengue. Chegaram em nosso território cerca de 750 mil doses da vacina, que o Sistema Único de Saúde (SUS) vai aplicar na população. A vacina é fabricada pela farmacêutica japonesa Takeda. A eficácia para combater a dengue ultrapassa os 80%. O Brasil será pioneiro na distribuição do imunizante, já que nenhum outro país ainda fez a vacinação por meio de profissionais da saúde pública.

Quem deve receber esse primeiro lote são crianças e adolescentes, que estão nos grupos de risco. É esperado que até o final de novembro novos lotes cheguem, totalizando 6,5 milhões de doses. Seria o suficiente para vacinar mais de 3 milhões de brasileiros. A imunização completa só ocorre após a segunda dose da vacina.

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) já fez sua inspeção no lote que chegou ao Brasil, e na sequência, as vacinas foram para o controle de qualidade do Instituto Nacional de Controle de Qualidade em Saúde (Incqs). Está planejado que essa etapa seja concluída ainda nesta semana, para que a campanha de vacinação comece o mais rápido possível.

A quem as primeiras doses serão destinadas

-A campanha de vacinação vai focar inicialmente nas crianças e adolescentes de 10 a 14 anos, considerados o grupo de risco;

-O Ministério da Saúde alega que esta faixa etária é, após os idosos, onde a doença causa o maior número de hospitalizações;

-Para idosos, no entanto, a vacina não foi liberada pela Anvisa; testes com a faixa etária ainda estão em andamento;

-Não há informações sobre quais cidades terão o primeiro lote, mas o tamanho das cidades deve ser levado em conta, assim como os números de casos de dengue nos últimos anos.

TRADINCOM CONSULTORIA EM NEGÓCIOS AGROPECUÁRIOS LTDA.®

+55 (41) 3434-5757

Al Dr Carlos de Carvalho, Wall Street Center, 771, Curitiba PR – Brasil, CEP 80.430-180.

www.tradincom.com

Esse é apenas um resumo de várias informações que recebemos, oferecemos oportunidades estratégicas particulares a cada necessidade de empresas ou operadores de mercado. Fiquem à vontade para requisitar opiniões estratégicas em posições ou mesmo sobre o processo de abertura de contas em Chicago.

Negociar futuros e opções envolve riscos substanciais e não é adequado para todos os investidores. O desempenho passado não é indicativo de resultados futuros. A Tradincom não distribui relatórios de pesquisa, empregam analistas, ou mantêm um departamento de pesquisa, tal como definido no Regulamento da Comissão de Negociação de Futuros de Commodities (CFTC) 1.71, e portanto, este material não deve ser interpretado como uma solicitação para entrar em uma transação de derivativos.

Esse material é somente como base de informações e deve ser considerado como um comentário de mercado, meramente uma observação do cenário econômico, politico e de notícias atuais e históricas. Não há nenhuma intenção de solicitação de compra ou venda de ativos de commodities, mas somente uma visão geral de possíveis estratégias de mercado. Não sendo responsável por qualquer resultado de decisões de trading, mas sendo apenas mais uma fonte de informações para aqueles que acreditam na fonte de informações.

Compartilhe nas redes sociais

Os comentários estão fechados.