Boa tarde, a Bolsa de Chicago opera entre ganhos e perdas, com a soja, farelo e trigo em alta, liderados pelo petróleo que sobe quase 5%. O mercado acompanha também o andamento da safra dos EUA, clima do Brasil com a proximidade do fim do período de vazio sanitário, e guerra comercial. O presidente dos EUA, Donald Trump disse ontem que as negociações com a China estão “indo muito bem”, mas alertou que será “mais duro” nas negociações com o país asiático em um segundo mandato se as discussões comerciais se arrastarem. Trump disse também que os dois países não resolverem a disputa comercial e se ele conseguir a reeleição em 2020, um “Acordo seria MUITO MAIS DIFÍCIL! Enquanto isso, a cadeia de suprimentos da China vai desmoronar e as empresas, empregos e dinheiro desaparecerão!”.


O USDA divulgou ontem o relatório de embarques semanais de grãos dos EUA. Na semana encerrada no dia 29 de agosto, os embarques de soja dos EUA foram de 1,28 milhão de toneladas, contra 966 mil da semana anterior e 776 mil do mesmo período do ano passado. Na temporada, os embarques de soja somam 45,73 milhões de toneladas, contra 56,30 milhões do mesmo período da temporada anterior. Os embarques de milho foram de 355 mil toneladas, contra 646 mil da semana anterior e 1,34 milhão do mesmo período de 2018. Na temporada, os embarques de milho somam 47,17 milhões de toneladas, contra 57,74 milhões do mesmo período de 2018.


O USDA divulgou ontem o relatório de andamento de safra dos EUA, com melhora nas condições das lavouras de milho. As lavouras de soja permaneceram com 55% bom/excelente, contra 66% do mesmo período do ano passado, enquanto as lavouras de milho tiveram melhora de 1 ponto percentual, para 58% bom/excelente, contra 67% do mesmo período de 2018. A formação de vagens na soja atingiu 86%, contra 98% de 2018 e 96% da média dos últimos 5 anos. A maturação nas lavouras de milho atingiu 6%, contra 20% de 2018 e 13% da média.

O USDA reportou ontem a venda de 451.766 toneladas de soja 2019/20 para o México.

O dólar opera em baixa frente a outras moedas com dados positivos na China. Em discurso no dia de hoje, o presidente do Federal Reserve de Nova York, John Williams, disse que o Fed está pronto para agir “conforme apropriado” para ajudar os EUA a evitar uma crise econômica, mas que até agora a economia parece estar em boa posição. O Fed divulga logo mais o Livro Bege, com dados econômicos regionais.


A balança comercial dos EUA caiu para US$54,0 bilhões em julho, uma queda de 2,7% em relação a junho, com recuperação nas exportações, segundo o Departamento de Comércio. Ainda assim o resultado ficou abaixo do esperado pelos analistas, que era de deficit de US$53,5 bilhões.


No Brasil a moeda recua mais de 1% acompanhando o exterior. O Banco Central vendeu hoje todos os US$580 milhões em moeda física e negociou ainda todos os 11.600 contratos de swap cambial reverso ofertados. Começou hoje a reunião da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado para analisar e votar o parecer do senador Tasso Jereissati (PSDB-CE) sobre a proposta de Reforma da Previdência, além de votar a PEC paralela, que estende as mudanças nas regras de aposentadoria a servidores estaduais e municipais. Ontem os Secretários de Fazenda dos estados e do Distrito Federal aprovaram a versão final da proposta de reforma tributária dos estados que poderá ser apresentado como emenda à PEC que já tramitando na Câmara dos Deputados. A proposta prevê um período de 10 anos até a implantação total do Imposto Sobre Bens e Serviços (IBS) – tributo sobre consumo a ser cobrado no destino e que substituiria outros cinco (PIS, Cofins, IPI, ICMS e ISS). O texto ainda precisa do aval de sete governadores para ser apresentado ao Congresso. Ontem a moda fechou com baixa de 0,09%, a R$4,1798.


Os setores industrial e de serviços do Brasil subiu para 51,9 em agosto, de 51,6 em julho, no nível mais alto desde março. O setor de serviços apresentou recuo enquanto o setor industrial teve expansão.


As bolsas globais operam majoritariamente em alta após dados positivos da China afastarem os temores sobre uma desaceleração global.


No Brasil o Ibovespa opera com leve alta após fechar o pregão de ontem abaixo dos 100 mil pontos com temor comercial. Ontem o Ibovespa recuou 0,94%, aos 99.680 pontos.

Os futuros do petróleo operam com forte alta impulsionado por uma recuperação mais ampla do mercado com notícias positivas da China, após três dias de perdas devido a temores sobre o enfraquecimento da economia global. O Instituto Americano de Petróleo (API) divulga hoje o relatório semanal de estoques dos EUA.


O setor de serviços da China medido pelo índice dos gerentes de compras (PMI) da Caixin/Markit subiu para 52,1 em agosto, de 51,6 em julho, atingindo o maior nível desde maio. Segundo o relatório houve aumento de novas encomendas, levando ao maior aumento de contratações em mais de um ano.


Os setores industrial e de serviços da zona do euro medido pelo Índice de atividade dos gerentes de compras (PMI) do IHS Markit subiu para 51,9 em agosto, de 51,5 em julho e acima da leitura preliminar de 51,8. O IHS Markit informou que o PMI composto apontou um crescimento econômico de apenas 0,2% neste trimestre.


Os setores industrial e de serviços do Reino Unido medido pelo Índice de Atividade dos Gerentes de Compras (PMI) 50,2 50,7

No Brasil, o tempo segue chuvoso em parte do Sul amanhã.

Previsão de Precipitação Brasil, 24 horas, em milímetros.




Na Argentina, tempo estável nas regiões produtoras de trigo amanhã.

Previsão de Precipitação Argentina, 24 horas, em milímetros.


Nos EUA, tempo estável no Meio-Oesto amanhã. O furacão Dorian avança provocando chuvas na costa leste.

Previsão de Precipitação EUA, 24 horas, em polegadas.



O furacão Dorian segue pela costa leste dos EUA, onde deve provocar alagamentos e ventos fortes. O furacão está na categoria 2, mas tempestade ainda é muito perigosa, com ventos que podem chegar a 175 km/h. O Centro Nacional de Furacões (NHC) informou que o “centro da tempestade avançará perigosamente para a costa leste da Flórida e a costa da Geórgia na quarta-feira à noite”.


Prêmios *referente ao dia anterior

Paranaguá

SOJA

COMPRADOR

VENDEDOR

Set

130

141

Out

135

147

Nov

140

150

Fev

45

59

FARELO DE SOJA

COMPRADOR

VENDEDOR

Set

-19

-16

Out

-19

-16

Nov

-17

-14

Dez

-17

-14

ÓLEO DE SOJA

COMPRADOR

VENDEDOR

Spot

130

170

Golfo do México – EUA

SOJA

COMPRADOR

VENDEDOR

Set

52

58

Out

42

47

Nov

43

50

MILHO

COMPRADOR

VENDEDOR

Set

54

60

Out

50

58

Nov

53

60

Cientistas desenvolvem um adesivo para tratamento do câncer

Por Any Karolyne Galdino, Engenharia É


Pesquisadores norte-americanos desenvolveram um adesivo cutâneo de ação rápida que pode administrar medicamentos contra o câncer, de acordo com um estudo publicado recentemente.

O estudo mostrou que o novo adesivo para a pele poderia administrar eficientemente medicamentos em um minuto para atacar as células de melanoma, uma forma mortal de câncer de pele.

Usando a ovalbumina de frango como antígeno modelo, os pesquisadores vacinaram camundongos com suas manchas de microagulhas indolores e compararam os resultados com injeções intramusculares e subcutâneas, diz Report21.

O tratamento com microagulhas produziu nove vezes o nível de anticorpos em comparação às injeções intramusculares e 160 vezes o nível de anticorpos em comparação às injeções subcutâneas, de acordo com o estudo.

Os pesquisadores também viram ativação imunológica eficiente em amostras cirúrgicas da pele humana, disse ele.

O dispositivo é um passo em direção ao desenvolvimento de uma vacina para tratar o melanoma e tem aplicações generalizadas para outras vacinas, disse ele.

Nosso adesivo possui um revestimento químico exclusivo e modo de ação que permite que ele seja aplicado e removido da pele em apenas um minuto enquanto se administra uma dose terapêutica de medicamento”, Yanpu He, estudante de doutorado do MIT que ajudou a desenvolver o dispositivo, ele disse à Xinhua.

Nossos adesivos provocam uma resposta robusta de anticorpos em camundongos vivos e prometem provocar uma forte resposta imune na pele humana”, disse ele.

Nossa tecnologia de adesivos pode ser usada para administrar vacinas para combater diferentes doenças infecciosas”, disse à Xinhua Paula Hammond, chefe do Departamento de Engenharia Química do MIT e líder da equipe de pesquisa.

Estamos empolgados com a possibilidade de o adesivo ser outra ferramenta no arsenal de oncologistas do câncer, especificamente o melanoma”, disse ele.

Hammond disse que a tecnologia será testada em ratos e primatas antes de seguir as trilhas da clínica. Espera-se que o dispositivo seja aprovado e lançado em três a cinco anos.

TRADINCOM CONSULTORIA EM NEGÓCIOS AGROPECUÁRIOS LTDA.®

+55 (41) 3434-5757

Al Dr Carlos de Carvalho, Wall Street Center, 771, Curitiba PR – Brasil, CEP 80.430-180.

www.tradincom.com

Esse é apenas um resumo de várias informações que recebemos, oferecemos oportunidades estratégicas particulares a cada necessidade de empresas ou operadores de mercado. Fiquem à vontade para requisitar opiniões estratégicas em posições ou mesmo sobre o processo de abertura de contas em Chicago.

Negociar futuros e opções envolve riscos substanciais e não é adequado para todos os investidores. O desempenho passado não é indicativo de resultados futuros. A Tradincom não distribui relatórios de pesquisa, empregam analistas, ou mantêm um departamento de pesquisa, tal como definido no Regulamento da Comissão de Negociação de Futuros de Commodities (CFTC) 1.71, e portanto, este material não deve ser interpretado como uma solicitação para entrar em uma transação de derivativos.

Esse material é somente como base de informações e deve ser considerado como um comentário de mercado, meramente uma observação do cenário econômico, politico e de notícias atuais e históricas. Não há nenhuma intenção de solicitação de compra ou venda de ativos de commodities, mas somente uma visão geral de possíveis estratégias de mercado. Não sendo responsável por qualquer resultado de decisões de trading, mas sendo apenas mais uma fonte de informações para aqueles que acreditam na fonte de informações.

Compartilhe nas redes sociais

Seja o primeiro à comentar.

Enviar comentário