Boa tarde, a Bolsa de Chicago sobe forte puxada pela soja, que sobe 20 pontos no vencimento nov/20, com foco na demanda, clima desfavorável no Brasil e Argentina neste início de safra, além da conclusão da safra dos EUA. O USDA reportou hoje a venda de 327.000 toneladas de soja 2020/21 para a China.


A colheita do milho 2a safra 2019/20 no Paraná atingiu 94,19%, levemente atrasado em relação aos anos anteriores, segundo a SEAB/Deral.


A colheita do trigo 2019/20 no Paraná atingiu 23,23%, levemente atrasado em relação aos anos anteriores. A maturação atinge 60% das lavoras. Do total a ser colhido, 62% das lavouras se encontram em boas condições, 28% em condições médias e 10% em condições ruins.


O plantio do milho 1a safra 2020/21 no Paraná atingiu 23,70%, praticamente em linha com a média dos anos anteriores. Do total semeado, 87% se encontram em boas condições e 13% em condições médias.


O número de mortos em todo o mundo causados pelo novo coronavírus (COVID-19) subiu para 936.905 hoje, de 930.311 até ontem, com 29.656.504 casos confirmados. Desde ontem são quase 300.000 novos casos confirmados em todo o mundo. O número de recuperados da pneumonia causada pelo vírus chegou a 20.146.388 hoje, de 19.912.116 até ontem.


No Brasil, o número de casos de COVID-19 subiu para 4.384.860 hoje, de 4.356.690 até ontem, segundo o consórcio de veículos de imprensa a partir de dados das secretarias estaduais de Saúde. O número de mortos chegou a 133.217, de 132.297 até ontem. O número de pacientes recuperados somam 3.671.128, de 3.613.184 até ontem.


O dólar opera próximo à estabilidade frente a outras moedas. O Comitê Federal de Mercado Aberto (FOMC) do Federal Reserve deixou os juros no patamar atual, entre 0-0,25% e sinalizou que irá mantê-los neste nível até pelo menos 2023 para ajudar a economia dos EUA a se recuperar da pandemia do coronavírus. O Comitê “espera manter uma postura acomodatícia da política monetária” até atingir uma inflação média de 2% ao longo do tempo e as expectativas de inflação de longo prazo permanecerem bem ancoradas em 2%, disse o Fed em comunicado.


As vendas do varejo dos EUA subiram 0,6% em agosto ante julho, após alta de 0,9% em julho, segundo o Departamento de Comércio. O crescimento ficou abaixo do esperado pelos analistas, que era de 1%. Na comparação anual as vendas tiveram crescimento de 2,6%.


No Brasil opera em baixa após decisão do Fed. O Comitê de Política Monetária do Banco Central (Copom) anuncia hoje, após o fechamento dos mercados, a decisão de política monetária, com expectativa de manutenção da meta da Selic em 2% ao ano e anunciando a interrupção do ciclo de cortes. A economia brasileira cresceu 2,4% em julho ante junho, segundo o Monitor do PIB-FGV, da Fundação Getúlio Vargas (FGV). Nos 3 meses encerrado em julho houve queda de 4% ante os três meses anteriores. Na comparação com o mesmo trimestre do ano passado a queda foi de 8,9%. “A economia segue em trajetória de crescimento no mês de julho. Após ter em abril o seu pior momento econômico, reflexo da pandemia de Covid-19, é possível enxergar considerável melhora em todas as atividades econômicas”, disse em nota Cláudio Considera, coordenador do Monitor do PIB-FGV.

A Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) melhorou as projeções de retração das economias globais e prevê contração de 6,5% no PIB do Brasil neste ano, contra 7,4% da estimativa anterior. Para 2021 a projeção é de crescimento de 3,6%. A economia global deve contrair 4,5% neste ano, ante 6% da estimativa anterior, e para 2021 a estimativa é de crescimento de 5%.


As bolsas globais operam próximo à estabilidade.


Os futuros do petróleo recuam com queda inesperada nos estoques de petróleo bruto dos EUA e conforme o furacão Sally forçou a paralisação de parte da produção no Golfo do México.


Os estoques de petróleo bruto dos EUA recuaram 4,389 milhões de barris na semana encerrada no dia 11 de setembro, para 496,057 milhões de barris, contra 417,144 milhões do mesmo período do ano passado, segundo a Agência de Informação de Energia (EIA). A queda contrariou a expectativa dos analistas, que previam alta de 1,27 milhão de barris no período.


No Brasil, tempo chuvoso em parte do Sul amanhã.

Previsão de Precipitação Brasil, 24 horas, em milímetros.



Na Argentina, tempo estável amanhã.

Previsão de Precipitação Argentina, 24 horas, em milímetros.


Nos EUA, tempo estável no Meio-Oeste amanhã. O furacão Sally provoca tempestades e alagamentos no Sudeste do país.

Previsão de Precipitação EUA, 24 horas, em polegadas.



O furacão Sally avança pelo sudeste dos EUA e deve perder força nos próximos dias, quando se dissipará. Sally atingiu a costa como uma tempestade de categoria 2 com ventos sustentados de 105 mph. Desde então, está enfraquecido no interior, com ventos de 80 mph. Com o ritmo lento de Sally, em torno de 3 mph, algumas áreas já coletaram mais de 24 polegadas de chuva e podem receber até 35 polegadas no fim da tempestade.



Enchentes cercam carros na manhã de quarta-feira em Pensacola, Florida. Fonte: CNN

Prêmios *referente ao dia anterior

Paranaguá

SOJA

COMPRADOR

VENDEDOR

Set

165

175

Out

165

175

Nov

170

180

Mar

58

70

FARELO DE SOJA

COMPRADOR

VENDEDOR

Spot

23

27

ÓLEO DE SOJA

COMPRADOR

VENDEDOR

Spot

400

500

Golfo do México – EUA

SOJA

COMPRADOR

VENDEDOR

Set

80

85

Out

75

79

Nov

79

83

MILHO

COMPRADOR

VENDEDOR

Set

58

61

Out

61

65

Nov

64

69

Novas imagens impressionantes revelam como o SARS-CoV-2 infecta as células pulmonares em detalhes

Por Ademilson Ramos, Engenharia É


Cada partícula do vírus SARS-CoV-2 – vírion – é uma esfera de proteína com espinhos que envolve o material genético, com cerca de 50-200 nanômetros de largura. De alguma forma, mesmo uma micrografia de cores falsas brilhante infectando células pulmonares humanas pode torná-las quase… ornamentais.

Novas imagens impressionantes do vírus SARS-CoV-2 da bioquímica Camille Ehre da Escola de Medicina da Universidade da Carolina do Norte (UNC) foram publicadas no New England Journal of Medicine; eles revelam o quão bem esses vírions microscópicos podem infectar nossas vias aéreas.

A equipe introduziu o SARS-CoV-2 em uma cultura de laboratório de células epiteliais brônquicas humanas – as células que fornecem uma barreira entre o ar nos pulmões e nossa corrente sanguínea. Eles deixaram os dois se misturando por 96 horas e então usaram um microscópio eletrônico de varredura para registrar os resultados.

A produção de vírus foi de aproximadamente 3×106 unidades formadoras de placa por cultura, uma descoberta que é consistente com um alto número de vírions produzidos e liberados por célula”, escreve a equipe.

As imagens acima e abaixo foram falsamente coloridas por Cameron Morrison, um estudante de medicina da UNC, e mostram estruturas semelhantes a cabelos chamados cílios em azul, fios de muco em verde amarelado e SARS-CoV-2 em vermelho.

A imagem no início deste artigo mostra as estruturas em um contexto mais amplo, com pequenas partículas de vírus vermelhos, enquanto a imagem abaixo amplia ainda mais, revelando claramente a estrutura das minúsculas partículas e a densidade do vírus.


Você deve conhecer os cílios que residem em seu intestino, mas eles também existem dentro dos pulmões, ajudando a proteger nossos órgãos respiratórios de patógenos, mantendo os pulmões úmidos e autolimpantes.

Você pode ver um exemplo de onde eles são encontrados na imagem abaixo:


Embora as novas micrografias realmente pareçam impressionantes, elas são mais do que apenas uma novidade.

As imagens mostram o grande número de vírions produzidos quando o vírus sequestra nossas células. Em humanos, os virons resultantes são provavelmente tossidos, falados ou mesmo expirados no ar em gotas, nos dando um grande lembrete para as pessoas usarem máscaras e manterem distância dos outros para limitar a propagação.

E talvez, olhando para essas minúsculas partículas de vírus, possamos ver melhor o quadro geral.

TRADINCOM CONSULTORIA EM NEGÓCIOS AGROPECUÁRIOS LTDA.®

+55 (41) 3434-5757

Al Dr Carlos de Carvalho, Wall Street Center, 771, Curitiba PR – Brasil, CEP 80.430-180.

www.tradincom.com

Esse é apenas um resumo de várias informações que recebemos, oferecemos oportunidades estratégicas particulares a cada necessidade de empresas ou operadores de mercado. Fiquem à vontade para requisitar opiniões estratégicas em posições ou mesmo sobre o processo de abertura de contas em Chicago.

Negociar futuros e opções envolve riscos substanciais e não é adequado para todos os investidores. O desempenho passado não é indicativo de resultados futuros. A Tradincom não distribui relatórios de pesquisa, empregam analistas, ou mantêm um departamento de pesquisa, tal como definido no Regulamento da Comissão de Negociação de Futuros de Commodities (CFTC) 1.71, e portanto, este material não deve ser interpretado como uma solicitação para entrar em uma transação de derivativos.

Esse material é somente como base de informações e deve ser considerado como um comentário de mercado, meramente uma observação do cenário econômico, politico e de notícias atuais e históricas. Não há nenhuma intenção de solicitação de compra ou venda de ativos de commodities, mas somente uma visão geral de possíveis estratégias de mercado. Não sendo responsável por qualquer resultado de decisões de trading, mas sendo apenas mais uma fonte de informações para aqueles que acreditam na fonte de informações.

Compartilhe nas redes sociais

Seja o primeiro à comentar.

Enviar comentário