Boa tarde, a Bolsa de Chicago opera em baixa nos principais ativos nesta sexta-feira.


O número de mortos causados pelo novo coronavírus (COVID-19) subiu para 2.248 hoje, de 2.130 até ontem, com 76.787 casos confirmados em 27 países e territórios, sendo 75.467 casos somente na China continental. De ontem para hoje surgiram 1.000 novos casos. O número de recuperados da pneumonia causada pelo vírus subiu quase 2.000 desde ontem, para 18.864.


O USDA divulgou hoje o relatório de vendas semanais para exportação dos EUA, com números abaixo do esperado para a soja e acima do esperado para o milho. Na semana encerrada no dia 13 de fevereiro, as vendas de soja 2019/20 foram de 494 mil toneladas, contra 645 mil da semana anterior. As expectativas de vendas variavam entre 600 mil e 1,2 milhão de toneladas. Na temporada, as vendas de soja dos EUA somam 33,45 milhões de toneladas, contra 36,76 milhões do mesmo período da temporada anterior. As vendas 2020/21 foram de 3,36 mil toneladas, acumulando 320 mil toneladas na temporada futura.


As vendas de milho 2019/20 foram de 1,25 milhão de toneladas, contra 969 mil da semana anterior. As expectativas de vendas variavam entre 700 mil e 1,2 milhão de toneladas. Na temporada, as vendas de milho somam 25 milhões de toneladas, contra 38,32 milhões do mesmo período da temporada anterior.


A colheita de soja 2019/20 no Paraná atingiu 22%, registrando avanço de 12 pontos percentuais na última semana, segundo a SEAB/Deral. As lavouras estão com 92% em boas condições, outros 7% em condições médias e 1% em condições ruins. A maturação atinge 51% das lavouras. A comercialização da safra está em 29%, contra 27% do mesmo período do ano passado. A produção total desta safra deve chegar a 20,36 milhões de toneladas, contra 16,19 milhões da safra anterior.


O plantio do milho 2a safra 2019/20 no Paraná atingiu 31,82%, contra 14,3% da última semana e 60% do mesmo período da safra anterior. As lavouras estão com 99% em boas condições. A comercialização da safra está em 11%, contra 8% do mesmo período do ano passado. A colheita do milho 1a safra atingiu 22,65%, contra 12,95% da semana anterior e 23,5% do mesmo período de 2019. Nesta safra, a produção do milho 2a safra deve chegar a 12,4 milhões de toneladas, uma redução de 7% em relação à safra anterior. A produção do milho total está estimada em 15,71 milhões de toneladas, ante 16,46 milhões da safra 2018/19.


O dólar opera em baixa frente a outras moedas realizando as altas recentes.


As vendas de moradias usadas nos EUA recuaram 1,3% em janeiro, para taxa anual ajustada sazonalmente de 5,46 milhões de unidades, segundo a Associação Nacional de Corretores de Imóveis (NAR). As vendas de dezembro foram revisadas para baixo, a 5,53 milhões de unidades, em relação às 5,54 milhões de unidades relatadas anteriormente.


No Brasil o dólar recua após atingir os R$4,40 pela primeira vez na história no início do pregão. Ontem a moeda subiu 0,61%, a R$4,3917, novo recorde de fechamento nominal. Por conta do feriado de Carnaval na próxima semana, a B3 terá reabertura apenas na quarta-feira. As contas externas do Brasil registraram déficit de US$ 11,879 bilhões em janeiro, um aumento de 31,3% em relação ao mesmo mês do ano passado, segundo o Banco Central. É o maior rombo para o mês desde 2015. Em 2019 o déficit das contas externas do Brasil foi de US$ 50,762 bilhões. Para este ano a expectativa é de um rombo de US$ 57,7 bilhões em transações correntes. Os Investimentos Diretos no País (IDP) somaram US$5,618 bilhões em janeiro, após investimentos de US$9,43 bilhões em dezembro, segundo o BC. No acumulado dos últimos 12 meses, o saldo de investimento estrangeiro ficou em US$ 78,350 bilhões.


As bolsas globais operam majoritariamente em baixa nesta sexta-feira.


Os futuros do petróleo recuam devolvendo parte dos ganhos da semana.


A inflação ao consumidor da zona do euro medido pelo índice de preços ao consumidor (CPI) registrou queda de 1% em janeiro ante dezembro, segundo a Eurostat. Na comparação anual, o CPI subiu 1,4%, acelerando em relação ao ganho de 1,3% observada em dezembro.


Os setores industrial e de serviços da zona do euro medido pelo índice de gerentes de compras (PMI) composto subiu a 51,6 em fevereiro, de 51,3 em janeiro, para o maior nível em 6 meses, segundo a IHS Markit. O PMI industrial subiu de 47,9 em janeiro para 49,1 em fevereiro enquanto o PMI de serviços avançou de 52,5 para 52,8.


No Brasil, tempo chuvoso em boa parte do país até a próxima semana.

Previsão de Precipitação Brasil, 7 dias, em milímetros.


Na Argentina, tempo predominantemente estável até a próxima semana.

Previsão de Precipitação Argentina, 7 dias, em milímetros.

Prêmios *referente ao dia anterior

Paranaguá

SOJA

COMPRADOR

VENDEDOR

Mar

60

70

Abri

40

50

Mai

45

55

Jun

50

60

FARELO DE SOJA

COMPRADOR

VENDEDOR

Mar

11

15

Abr

2

0

Mai

-7

-9

Jun

-10

-13

ÓLEO DE SOJA

COMPRADOR

VENDEDOR

Spot

200

280

Golfo do México – EUA

SOJA

COMPRADOR

VENDEDOR

Mar

60

62

Abri

59

62

Mai

57

61

MILHO

COMPRADOR

VENDEDOR

Mar

65

69

Abr

66

70

Mai

63

67

Satélite caçador de exoplanetas envia a primeira imagem

Matheus Luque, Olhar Digital


CHEOPS foi lançado ao espaço no final do ano passado

O satélite CHEOPS, desenvolvido pela Agência Espacial Europeia (ESA) para observar mundos alienígenas, enviou sua primeira imagem:


“As primeiras imagens que estavam prestes a aparecer na tela foram cruciais para podermos determinar se a ótica do telescópio havia sobrevivido ao lançamento do foguete em boa forma”, afirma Willy Benz, professor de astrofísica da Universidade de Berna, na Suíça, que trabalhou em parceria com a ESA no lançamento do satélite. “Quando as primeiras imagens de um campo de estrelas apareceram na tela, ficou imediatamente claro para todos que realmente tínhamos um telescópio em funcionamento”, completou.

Essa primeira imagem não apenas confirma que o CHEOPS está funcionando corretamente, mas também supera as expectativas criadas antes de seu lançamento. A primeira foto “é mais suave e mais simétrica do que esperávamos após as medições realizadas em laboratório”, disse Benz. Ele acrescentou que “essas análises iniciais promissoras são um grande alívio e também um impulso para a equipe”.

A imagem em si é tremida, mas isso já era esperado, já que o telescópio havia sido intencionalmente desfocado para permitir melhor precisão fotométrica. Desfocar o telescópio permite maior precisão porque suaviza a luz em muitos pixels, de acordo com declaração da equipe.

Portanto, embora a imagem não seja tão clara, é precisa, o que é importante para a sonda detectar pequenas mudanças no brilho das estrelas fora do nosso sistema solar.

A equipe continuará testando o telescópio e examinando as imagens captadas nos próximos meses. “Analisaremos muito mais imagens em detalhes para determinar o nível exato de precisão que pode ser alcançado pelo CHEOPS nos diferentes aspectos do programa de ciências”, acrescenta David Ehrenreich, cientista de projeto do satélite da Universidade de Genebra, na Suíça. “Os resultados até agora são bons”.

O CHEOPS foi projetado para detectar exoplanetas (planetas fora do nosso sistema solar) em trânsito e caracterizá-los. A sonda “fará observações de alta precisão do tamanho do planeta quando passar na frente de sua estrela hospedeira”, de acordo com uma descrição da missão dada pelos funcionários da ESA.

“Ele se concentrará em planetas na faixa de tamanho de Netuno, fazendo uma caracterização para a compreensão desses mundos alienígenas”, afirmou a equipe de cientistas do CHEOPS.

https://www.youtube.com/watch?v=xYIWjmUuZfU&feature=emb_logo

Via: Space

TRADINCOM CONSULTORIA EM NEGÓCIOS AGROPECUÁRIOS LTDA.®

+55 (41) 3434-5757

Al Dr Carlos de Carvalho, Wall Street Center, 771, Curitiba PR – Brasil, CEP 80.430-180.

www.tradincom.com

Esse é apenas um resumo de várias informações que recebemos, oferecemos oportunidades estratégicas particulares a cada necessidade de empresas ou operadores de mercado. Fiquem à vontade para requisitar opiniões estratégicas em posições ou mesmo sobre o processo de abertura de contas em Chicago.

Negociar futuros e opções envolve riscos substanciais e não é adequado para todos os investidores. O desempenho passado não é indicativo de resultados futuros. A Tradincom não distribui relatórios de pesquisa, empregam analistas, ou mantêm um departamento de pesquisa, tal como definido no Regulamento da Comissão de Negociação de Futuros de Commodities (CFTC) 1.71, e portanto, este material não deve ser interpretado como uma solicitação para entrar em uma transação de derivativos.

Esse material é somente como base de informações e deve ser considerado como um comentário de mercado, meramente uma observação do cenário econômico, politico e de notícias atuais e históricas. Não há nenhuma intenção de solicitação de compra ou venda de ativos de commodities, mas somente uma visão geral de possíveis estratégias de mercado. Não sendo responsável por qualquer resultado de decisões de trading, mas sendo apenas mais uma fonte de informações para aqueles que acreditam na fonte de informações.

Compartilhe nas redes sociais

Seja o primeiro à comentar.

Enviar comentário